Notícias





Post Top Ad

Your Ad Spot



quarta-feira, 7 de novembro de 2018

CORREÇÃO - Câmara de Ubatuba (SP) corrige lei e proíbe exploração animal

Foi incluída na lei 4085/2018 a proibição, aprovada em plenário, das cavalgadas em perímetro urbano e da tração animal através de charretes e carroças.
Por Redação

(Foto: Antenor Tatsch Jr. / Divulgação)
A Câmara Municipal de Ubatuba, no litoral do estado de São Paulo, publicou uma errata para incluir na lei 4085/2018 a proibição, aprovada em plenário, das cavalgadas em perímetro urbano e da tração animal através de charretes e carroças. A mudança da lei foi obtida após uma ação judicial.

A preocupação dos defensores de animais, agora, é com o projeto de lei 100/18, que pretende liberar a montaria e criação de cavalos e que deve ser colocada em votação em breve.

“Estão usando a equoterapia para objetivos escusos. Sabemos que em razão de muita pressão – dos cavaleiros e mães de filhos em terapia -, ela [a proposta] será aprovada, mas ingressaremos em juízo e suspenderemos a eficácia dessa lei em razão do retrocesso ambiental, uma vez que em seu artigo 3° – de forma astuta – querem mesmo é liberar o tráfego de equinos na cidade, pois repito, montaria para equoterapia já está liberada”, lembrou a advogada e ativista pelos direitos animais Jaqueline Tupinambá.

Fonte: www.anda.jor.br
Anda´- Agência de Notícias dos Direitos dos Animais 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

Your Ad Spot